As organizações de TI enfrentam múltiplos desafios no que diz respeito à melhor forma de implementar equipamento informático. A virtualização está a colocar especial ênfase na consolidação e nas altas densidades. Ao mesmo tempo, muitas organizações têm instalações sem pessoal de TI no local e, talvez, sem um espaço dedicado para o seu equipamento de TI. É imperativo que sejam capazes de otimizar a utilização de todo o espaço que tenham.

Em muitos casos, a implementação de um sistema de bastidor adequado, incluindo os que têm unidades de distribuição de alimentação (PDU) integradas, pode ajudar as empresas a dar resposta a estes desafios. A seguir, apresentamos cinco desafios comuns com que nos deparamos e a forma como os bastidores podem ajudar a resolvê-los.

1. Facilidade de instalação e utilização

Procure bastidores com características padrão, como suportes integrados para baías para um alinhamento fácil e compatibilidade com outros componentes, incluindo produtos de alimentação de energia e de arrefecimento. Pés de nivelamento e rodas pré-instaladas eliminam a necessidade de peças adicionais e tornam a instalação mais simples. Da mesma forma, guias de montagem vertical facilmente ajustáveis simplificam o trabalho de instalação do equipamento.

2. Maior procura de disponibilidade e conectividade

Com mais dispositivos do que nunca a ligar-se às redes, as empresas sentem a necessidade de aumentar as densidades de potência nos seus bastidores. Em resultado disso, os bastidores têm de ser capazes de integrar cablagem de alta densidade, como cablagem com um canal zero U para acessórios que permita a instalação de PDU de Bastidor na parte traseira do bastidor, assim preservando espaço no bastidor.

3. Vários cenários de implementação

Procure um fabricante de bastidores que possa oferecer-lhe diferentes modelos que correspondam aos seus vários requisitos. Em alguns casos, isso pode significar bastidores de estrutura aberta; noutros, poderá preferir unidades de montagem na parede ou bastidores com elementos de fluxo de ar laterais para alojar comutadores de rede. Para áreas sem um espaço dedicado, irá querer bastidores fechados, que constituem uma “sala de servidores numa caixa”, completa e segura Estes bastidores devem ser isolados contra o som, com rodas e guias ajustáveis para vários equipamentos de TI e uma PDU de bastidor previamente instalada, para que possam ser abertos sempre que necessário.

4. Gestão remota

Escolha um bastidor que possa alojar uma PDU comutada em bastidor com capacidades de gestão remota. Com um comutador de rede ou servidor bloqueado, estas PDU permitem-lhe reiniciá-lo, desligando remotamente a tomada adequada e voltando a ligá-la.

5. Gestão inteligente da energia

As PDU com medição em bastidor monitorizam a alimentação e a energia ao nível do bastidor, fornecendo dados atuais aos gestores de TI para que estes tomem decisões e garantam a utilização mais eficiente da alimentação em todos os bastidores. Enquanto ferramenta base da gestão energética, as PDU com medição em bastidor fornecem as informações necessárias para monitorizar o consumo de energia e revelar potenciais ganhos de eficiência nas soluções de TI, assim aumentando as poupanças de energia. Combinadas com as PDU comutadas em bastidor, elas proporcionam poupanças de energia ainda maiores, permitindo que algumas tomadas sejam desligadas quando não são necessárias (por exemplo, ao fim de semana).

Naturalmente, a APC by Schneider Electric tem bastidores que correspondem a todos estes desafios. Eles incluem a nossa família NetShelter, bem como bastidores de estrutura aberta para centros de dados e estruturas de especialidade para armários de cablagem, salas de servidores, aplicações exigentes, entre outros. O mais provável é que encontre um bastidor que dê resposta aos desafios especiais que o seu ambiente lhe coloca.