Parafraseando Rodney Dangerfield, as salas de equipamentos das filiais não recebem o devido respeito. Com frequência, as empresas que têm muitas filiais, entre elas as lojas de varejo e cadeias de restaurantes, instalam servidores em salas que também têm outros usos, por exemplo para armazenamento. Em uma situação como essa, é fácil imaginar por que os servidores acabam sendo danificados ou até ocorrem roubos de equipamentos.

Anteriormente falamos sobre como garantir que uma sala de equipamentos receba a ventilação adequada, mas, neste post, vou me referir à necessidade de monitorar adequadamente essas salas remotas.

E elas precisam de monitoramento. Muitas filiais ou lojas de varejo têm dimensões reduzidas e, provavelmente, não têm espaço para uma sala de cabeamento dedicada. Por causa disso, as empresas acabam instalando servidores em depósitos, onde podem ser alvo de numerosas "humilhações". Talvez alguém os empurre para arquivar caixas, ou pode ser que haja um vazamento no telhado acima. Também é possível que a sala não fique fechada o tempo todo, porquanto o servidor poderia ser adulterado, intencional ou acidentalmente; inclusive poderiam ocorrer roubos de equipamentos.

Se alguma das situações anteriores ocorresse, como os funcionários de TI saberiam? E o que poderiam fazer a esse respeito? É provável que o setor de TI só ficasse sabendo do que aconteceu –caso alguma vez viesse a saber– quando percebesse que não recebia mais dados do servidor. Mas já seria muito tarde.

O que o setor de TI precisa é de um par de olhos e ouvidos para monitorar as salas de cabeamento remotas e enviar alertas quando algo não estiver certo. Como não é possível pedir ao atendente de uma cafeteria que faça esse favor, uma boa alternativa é implementar um sistema de monitoramento remoto para as salas de cabeamento.

Para atender a essa necessidade, a APC by Schneider Electric oferece a família de produtos para monitoramento ambiental e de segurança Netbotz. O dispositivo Netbotz é montado na parede da sala de cabeamento remota e tem uma câmera para mostrar o que está acontecendo. Você pode instalar sensores na porta para o sistema advertir quando ela for aberta. Se a porta não deve ser aberta, o sistema pode ser configurado para alertar os funcionários autorizados. Da matriz você poderá "ver" o interior da sala, determinar se alguma coisa fora do normal está acontecendo e tomar as medidas adequadas.

E ainda mais, o sistema também monitora uma variedade de fatores ambientais, como calor, umidade, até mesmo fluxo de ar uniforme e ponto de orvalho, para você saber se a sala está muito quente ou se há excessiva umidade. O Netbotz inclui também funções de áudio que permitem falar com quem estiver na sala remota, por exemplo, para indicar os passos para solucionar um problema do servidor.

Para ter uma ideia de como o Netbotz funciona, clique no link "Avaliar agora" abaixo de Painel para rack Netbotz 550 nesta página, e verá um sistema real em ação. (Embora usualmente não haja "ação").

Ouvimos o tempo todo sobre a necessidade de fornecer energia e refrigeração adequadas para o data center, e certamente isso é importante. Mas vamos pensar em todos os locais remotos onde podem se realizar diferentes tipos de tarefas e que geram lucros para sua empresa. Esses locais também são importantes, e está na hora de eles receberem o respeito –e a atenção– que merecem.